Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Arcos de Valdevez encabeça a Porta do Barroco no projeto “Alto Minho 4D -Viagem no Tempo”


Uma viagem pelos 10 concelhos do Alto Minho, com partida de Arcos de Valdevez, para conhecer os tesouros do barroco na região, é a proposta da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), inserida no projeto “Alto Minho 4D: Viagem no Tempo”. No próximo dia 8 de dezembro (sábado), a Porta do Barroco vai abrir-se em Arcos de Valdevez, com uma conferência, uma visita performativa e uma ação de sketching.

Se é certo que a região do Alto Minho conta com centenas de monumentos artísticos, entre palácios e igrejas, identitários do barroco, Arcos de Valdevez é uma joia barroca primorosa, onde alguns dos melhores artistas deste período deixaram marcas e moldaram o caráter da vila. Isso mesmo será abordado na conferência “Do Barroco”, que terá lugar na Casa das Artes de Arcos de Valdevez, no próximo dia 8 de dezembro (sábado), pelas 11 horas, com a presença do historiador de arte Eduardo Pires de Oliveira e do investigador Manuel Joaquim Rocha. A conferência conta com o apoio do CenManuel Joaquim Rochatro Cultural do Alto Minho. A participação é gratuita, mediante inscrição prévia no site da CIM Alto Minho em www.cim-altominho.pt.

Espalhado pelas artes e arquitetura, o barroco dá origem a uma das épocas mais ricas em obras e monumentalidade, marcadas pelo azulejo, a talha, a cenografia, a espacialidade e um profundo rigor urbanístico. No sábado à tarde, os participantes da visita performativa terão a possibilidade de conhecer mais em pormenor estas marcas presentes na vila de Arcos de Valdevez, durante a visita à Igreja Matriz, que terá início às 15 horas e será guiada pelo especialista Manuel Joaquim Rocha. No decorrer da visita, terá lugar uma performance, numa parceria com o Teatro do Noroeste – CDV e as Comédias do Minho, em co-programação com a Talkie-Walkie e a Ondamarela, com direção artística de Helena Oliveira e Miguel Ramos, e com a participação da comunidade local.

Três dezenas de urban sketchers vão desenhar Arcos de Valdevez

Ainda durante o dia de sábado, o centro da vila de Arcos será visitado por cerca de trinta urban sketchers, que desenharão pormenores do património de Arcos de Valdevez, no âmbito da ação “Sketching com História”, inserida no projeto “Alto Minho 4D - Viagem no Tempo”, numa parceria com a Associação Urban Sketchers Portugal (UskP).

O projeto “Alto Minho 4D - Viagem no Tempo” pretende criar uma rede de dez rotas/ itinerários cronológicos culturais baseados na história e nos bens patrimoniais da região. Com esta iniciativa intermunicipal, cada um dos dez concelhos do Alto Minho encabeçará uma dessas rotas, que funcionará como o “portal” de acesso a uma “estação do tempo” (um núcleo museológico que funcionará num espaço físico), que irá dispor de uma série de valências e no qual se apresentará uma sequência de recursos patrimoniais alusivos a essa rota e a serem visitados não só nesse concelho, mas em todo o território. O objetivo é promover um circuito (touring) cultural pelo Alto Minho e, consequentemente, a mobilidade turística na região.

Depois de abertas as Portas do Tempo do Megalitismo e Arte Rupestre, dos Castros, do Romano, do Românico, dos Castelos e Fortalezas, dos Mosteiros e dos Descobrimentos, chega agora a vez da Porta do Barroco se abrir em Arcos de Valdevez.

O projeto “Alto Minho 4D – Viagem no Tempo”, que foi aprovado no Programa Operacional Regional do Norte – Norte 2020, no domínio do “Património Cultural”, viaja no dia 8 do próximo mês até Arcos de Valdevez, com a Porta do Barroco.

#eventos #cultura #local

Se gosta da Peneda Gerês TV

Contribua com um donativo

Peneda Gerês TV - Multimédia e Comunicação

In.Cubo – Incubadora de Iniciativas Empresariais Inovadoras

4970-786 - Arcos de Valdevez

geral.penedagerestv@gmail.com

©2020 Peneda Gerês TV