top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Alunos de Monção recolheram 175 mil rolhas e agora vão plantar 3500 carvalhos-alvarinho

3 de Julho, 2024

O concurso de recolha de rolhas "Rolhas que deixam marca" destinou-se aos alunos do Agrupamento de Escolas de Monção, EPRAMI, Colégio do Minho e Santa Casa da Misericórdia de Monção. No total, foram recolhidas 175.000 rolhas, resultando na plantação de 3500 árvores (carvalhos-alvarinho).




caixa de cartão com rolhas de cortiça

Inserido no projeto “Green Cork”, da Quercus, o Município de Monção lançou o concurso “Rolhas que deixam marca”, tendo como destinatários os alunos do Agrupamento de Escolas de Monção, EPRAMI, Colégio do Minho e Santa Casa da Misericórdia de Monção.


No âmbito da campanha “Rolhas que deixam marca”, foram distribuídos pontos de recolha pelos estabelecimentos de ensino envolvidos na iniciativa. Posteriormente, as rolhas foram contabilizadas, turma a turma, e transportadas para depósito pela autarquia monçanense.

alunos despejando caixas de rolhas de cortiça num saco

"No âmbito da campanha, por cada 50 rolhas recolhidas, será plantado um carvalho-alvarinho, espécie autóctone da nossa floresta. Contas feitas, foram rececionadas 175000 rolhas, equivalente à plantação de 3500 carvalhos-alvarinho", revela a autarquia de Monção.

alunos posando junto com a Vereadora e professoras

As turmas que recolheram e entregaram o maior número de rolhas serão premiadas no dia 6 de julho, sábado, pelas 16h00, na Feira do Alvarinho de Monção, que este ano ruma a caminho da sustentabilidade. A iniciativa “Alvarinho Kids” engloba, ainda, a realização de várias atividades, jogos e desafios.

crianças recolhendo rolhas de cortiça
alunos com caixa de rolhas

Pela mão de António Barbosa, autarca monçanense, e Pedro Sousa, coordenador dos Projetos Green Cork, Floresta Comum e Aldeias SuberProtegidas, da Quercus, os vencedores receberão, também, uma placa alusiva à campanha, com inscrição do nome da escola e turma, possibilitando-lhes, desta forma, a identificação da fração de terreno plantado com carvalhos-alvarinho.

 



 

0 comentário

Comments


bottom of page