top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Arcos de Valdevez a Capital da Eurorregião Galiza-Norte de Portugal



No passado dia 14 de dezembro, a vila de Arcos de Valdevez acolheu dois eventos de grande relevância: da parte da manhã, teve lugar o “Seminário Territorial da Área de Cooperação Galiza - Norte de Portugal” e, à tarde, ocorreu a assinatura de uma Declaração Conjunta para a Constituição do Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial (AECT) da “Raia Seca e Gerês-Xurês”.

O Seminário Territorial foi organizado pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-NORTE) e a Xunta de Galicia, com o objetivo de "apresentar as três primeiras convocatórias do POCTEP - Programa de Cooperação Transfronteiriça entre Portugal e Espanha para o período 2021-2027, com um investimento de 150 milhões de euros."


Este evento contou com a participação da Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, do Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, um representante da Xunta da Galicia, um representante da Autoridade de Gestão do Programa DG Fundos Europeus, o representante do Secretariado do POCTEP, os representantes da AECT Galiza/Norte de Portugal, contando ainda, de acordo com o Município arcuense, "com a presença de mais de duas centenas de participantes dos dois lados da fronteira."


Na sessão de abertura, o Presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, João Manuel Esteves, afirmou “serem necessários apoios para a fixação de pessoas no território, para as pequenas e médias empresas e para os projetos de investigação e promoção e valorização cultural e ambiental." Referiu ainda "a necessidade de uma maior mobilização e articulação dos programas comunitários e dos fundos de financiamento dos Planos de Resiliência e Recuperação de Portugal e Espanha, para que efetivamente se possam vir a concretizar intervenções de coesão territorial, há tanto tempo reivindicadas como a ligação do IC28 à fronteira da Madalena e a Celanova, entre outros investimentos dos dois lados da fronteira”.


Nesse dia ocorreu também a assinatura de uma Declaração Conjunta para a Constituição do Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial (AECT) da “Raia Seca e Gerês-Xurês”, envolvendo 22 instituições, abrangidas territorialmente pelo território da “Raia Seca” e pela Reserva da Biosfera transfronteiriça Gerês-Xurés. Este organismo de cooperação transfronteiriça terá como finalidade a criação de um instrumento de desenvolvimento conjunto, em prol do progresso deste território transfronteiriço de excelência.



Comments


bottom of page