top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Arcos de Valdevez: CiTin garante primeiro financiamento base como Centro de Tecnologia e Inovação

O CiTin – Centro de Interface Tecnológico Industrial, instalado em Arcos de Valdevez, viu a sua primeira candidatura a financiamento base como Centro de Tecnologia e Inovação (CTI) aprovada. São cerca de 1,32 milhões de euros assegurados no âmbito da Missão Interface do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).





Oito homens vestidos com t-shirts iguais e com credencial ao pescoço

“Este financiamento base é um instrumento importante para a capacitação do CiTin, permitindo planear as atividades de investigação e desenvolvimento aplicadas no contexto das suas áreas de especialização e, assim, reduzir a dependência de financiamento competitivo. Essa capacitação vai traduzir-se na aquisição de equipamentos laboratoriais e na contratação de recursos humanos altamente qualificados para prosseguir a missão de apoiar as empresas da região no acesso ao ecossistema de inovação nacional, potenciando a sua competitividade económica”, refere Sérgio Ivan Lopes, Diretor-Geral do CiTin.


O CiTin é o único Centro de Tecnologia e Inovação existente no Alto Minho reconhecido pelo Ministério da Economia e do Mar português. Este reconhecimento aconteceu em novembro do ano passado, sob proposta da Agência Nacional de Inovação − ANI, entidade que geriu o processo, possibilitando o acesso a financiamento base competitivo.


O CiTin é uma associação científica, tecnológica e de assistência técnica, sem fins lucrativos e de natureza privada, visando o desenvolvimento de atividades de I&D aplicada, transferência de tecnologia e formação avançada.


A sua missão é promover um desenvolvimento industrial sustentável e resiliente através da criação de novos processos e tecnologias de manufatura centrados nas pessoas. A estratégia de especialização do CiTin está alinhada com os objetivos da estratégia industrial da Europa, operando como um motor do ecossistema de inovação industrial regional, mas com os olhos postos na Europa e no mundo.


A presidência do Conselho de Administração do CiTin é, desde o início da associação, ocupada por Carlos Rodrigues, Presidente do Politécnico de Viana do Castelo. O Conselho de Administração do CiTin é ainda constituído por: Vitor Figueiredo, Administrador da WestSea, na Vice-Presidência; João Manuel Esteves, Presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, como 1º. Vogal; António Cândido, Diretor de Operações e Diretor de Tecnologia do Grupo Coindu, como 2.º Vogal; e Mário Silva, Presidente do Conselho de Administração da TINTEX, como 3.º Vogal.


Os CTI são entidades que se dedicam à produção, difusão e transmissão de conhecimento, orientado para as empresas e para a criação de valor económico, contribuindo, para a prossecução de objetivos de política pública, enquadrados nos domínios de especialização prioritários nacionais ou das regiões em que atuam.


A Missão Interface do PRR insere-se na Componente 5 “Capitalização e Inovação Empresarial”. Tem por objetivo principal aprofundar o esforço de alargamento e consolidação da rede de instituições de interface entre o sistema académico, científico e tecnológico e o tecido empresarial português, garantindo o apoio necessário para potenciar o impacto destas na promoção do investimento em I&D e o investimento inovador nas empresas, designadamente em termos do seu potencial exportador.




0 comentário

Commentaires


bottom of page