top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Autarca de Cerveira e Sec. de Estado do Desenvolvimento Regional debatem investimento na região


Para o Presidente da Câmara Municipal de Cerveira, Rui Teixeira, "a fixação e a atração de recursos humanos altamente qualificados para Vila Nova de Cerveira, só pode ser feita mediante a atração de investimento em áreas-chave".

O Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Rui Teixeira, recebeu, no dia 22 de agosto, a Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, Isabel Ferreira, nos Paços do Concelho, para uma reunião de trabalho, à qual se seguiu uma visita guiada a dois polos expositivos da XXII Bienal Internacional de Arte de Cerveira.


Em comunicado, a autarquia refere que na reunião de trabalho, foram discutidos diversos assuntos sobre o desenvolvimento territorial de Vila Nova de Cerveira e da região do Alto Minho. O autarca Cerveirense reforçou que “a fixação e a atração de recursos humanos altamente qualificados para Vila Nova de Cerveira, só pode ser feita mediante a atração de investimento em áreas-chave”, como é o caso dos “laboratórios Colaborativos” (CoLabs), que têm como objetivo alavancar novos produtos ou atividades com impacto económico no Município e na Região, sobretudo como polo de atração e fixação de recursos humanos altamente qualificados em Vila Nova de Cerveira e no Alto Minho, refere a autarquia.

Outro assunto em destaque foi o Programa Nacional de Apoio ao Investimento da Diáspora (PNAID), que visa a valorização das comunidades portuguesas promovendo o investimento da diáspora, em especial no interior do país, bem como as exportações e a internacionalização das empresas nacionais por via da diáspora.

O momento permitiu ainda abordar a questão da Cooperação Transfronteiriça, nomeadamente, no âmbito do AECT [Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial], que tem um importante papel na dinamização da cooperação no território de fronteira. “A cooperação transfronteiriça é uma porta aberta para o desenvolvimento dos respetivos territórios de fronteira que são, não raras vezes, marginalizados e ficam longínquos dos principais centros de decisão, quer seja política, económica, social ou de qualquer outra índole” refere Rui Teixeira, salientando que “a cooperação é um elemento preponderante para a concretização do objetivo estratégico da coesão territorial.”

No decorrer da reunião, foram ainda debatidos outros assuntos de "grande importância e preocupação para o atual Executivo", como: a coesão territorial e o combate ao despovoamento, promovendo medidas de incentivo às dinâmicas demográficas, requalificação/humanização das zonas industriais, requalificação do Mercado Municipal, entre outros projetos que visam o desenvolvimento e a valorização do concelho de Vila Nova de Cerveira.




0 comentário

Comments


bottom of page