top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Autarca de Viana do Castelo reafirma: "O IPVC é o único projeto de coesão territorial do distrito"

O Centro Cultural de Viana do Castelo acolheu, ontem e hoje, o evento "Be Connected", organizado pelo Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC), pelo qual passaram mais de cinco mil visitantes, entre estudantes, escolas secundárias e profissionais, empresas e instituições. No dia de hoje, decorreu a Feira de Emprego, com perto de duas mil vagas de emprego e mais de 70 empresas presentes.




Satisfeito com a mobilização de uma fatia importante do tecido empresarial da região, em particular sediadas no Alto Minho, o presidente do Politécnico de Viana do Castelo, Carlos Rodrigues, agradeceu a confiança do sector empresarial no projeto que vem sendo desenvolvido pelo IPVC: “No primeiro dia, tivemos a presença de milhares de visitantes, especialmente estudantes do ensino secundário e profissional. Neste segundo dia, temos uma feira de emprego, com empresas disponíveis e com uma oferta de quase duas mil vagas. O Be Connected é uma importante oportunidade de conexão entre o ensino e o mundo empresarial. Temos entrevistas e outras formas de recrutamento a decorrer neste evento, por isso, agradeço às empresas pela confiança e vontade em se continuarem a aliar ao IPVC”.

Presidente do IPVC a discursar no palanque na abertura do 2º dia do Be Connected
Carlos Rodrigues - Presidente IPVC

Por seu turno, o Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, Luís Nobre, recorreu a uma expressão que tinha utilizado no último aniversário do Politécnico de Viana do Castelo – “o IPVC é o único projeto de coesão territorial do distrito” – para descrever, de seguida, o impacto do Instituto na região. “Há evidências no território desse trabalho. Um trabalho que torna o território mais atrativo nas suas várias vertentes. Este é um espaço de cultura [Centro Cultural de Viana do Castelo], mas não há cultura sem ensino superior de excelência, capaz de formar ativos válidos que vão de encontro às necessidades da região. Temos casos de sucesso nacional e internacional, com é disso exemplo a Work In Viana”, afirmou Luís Nobre.

Presidente da Câmara de Viana a discursar no palanque
Luís Nobre - Presidente CM de Viana do Castelo

A Work In Viana é uma plataforma que faz a articulação entre o mercado de oferta e de procura de trabalho, ao mesmo tempo que dá a conhecer as mais-valias de Viana do Castelo.


“O Politécnico de Viana do Castelo tem um impacto importantíssimo na transferência de conhecimento para o tecido económico e empresarial da região” - Pedro Nuno Teixeira - secretário de Estado do Ensino Superior

A cerimónia de abertura, no segundo dia do Be Connected, contou também com a presença do secretário de Estado do Ensino Superior, Pedro Nuno Teixeira, que descreveu os dois principais desafios atuais: o desafio do acesso ao ensino superior, numa lógica demográfica; e o desafio da interligação entre formação e mundo do trabalho.

Secretário de Estado do Ensino Superior a discursar no palanque
Pedro Nuno Teixeira - secretário de Estado do Ensino Superior

“O Politécnico de Viana do Castelo está a fazer o seu papel neste panorama, ao criar eventos como este, capazes de mobilizar e fazer a articulação entre setores tão importantes como o ensino e o passo seguinte, o emprego. O Politécnico de Viana do Castelo tem um impacto importantíssimo na transferência de conhecimento para o tecido económico e empresarial da região”, afirmou o governante.


Na mesma linha de pensamento, o presidente da CIM (Comunidade Intermunicipal) do Alto Minho, Manoel Batista, destacou o contributo que o Politécnico de Viana do Castelo tem dado para que o conhecimento chegue ao território, não só através das seis Escolas Superiores que tem distribuídas pela região, mas também pelos vários Centros Tecnológicos, divididos pelo território.

Presidente da CIM Alto Minho a discursar no palanque
Manoel Batista - Presidente CIM Alto Minho

A finalizar, o administrador dos Serviços de Ação Social do IPVC, Luís Ceia, agradeceu a todas as empresas a confiança depositada no Politécnico de Viana do Castelo.

Carlos Rodrigues, uma mulher, Luís Ceia; Pedro Nuno Teixeira e Luís Nobre

O segundo dia do Be Connected contou, ainda, com a conferência “Desafios de Emprego no Século XXI”, a palestra “O que as empresas esperam de ti” e uma conversa com Alumni: “A inspiração para o sucesso”, em momentos de partilha e troca de experiências entre várias entidades do setor económico, empresarial, social e académico.




0 comentário

Commentaires


bottom of page