top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Boa prática do Alto Minho candidata ao galardão “The People’s Choice Award” na ITB Berlim

O trabalho desenvolvido pela Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), no âmbito do projeto “Cultura para Todos”, que culminou com a elaboração de relatórios detalhados com orientações específicas para a melhoria das condições de acessibilidade de espaços culturais/patrimoniais, foi selecionado como uma das Top 100 histórias de 2023 no que diz respeito aos destinos sustentáveis. Está a votação do público na maior feira de turismo da Alemanha, a ITB Berlim, até ao próximo dia 29 de janeiro.





pessoa com deficiência em cadeira de rodas apreciando uma exposição de arte

Todos os anos a competição ao Green Destinations TOP 100 (Sustainability) Stories recebe histórias de turismo sustentável e boas práticas de destinos de todo o mundo, para serem partilhadas como exemplos inspiradores para outras regiões, profissionais de turismo e turistas. Ao contar as suas histórias, as instituições responsáveis pela gestão de destinos são conhecidas e reconhecidas pelas soluções que encontraram para responder a desafios e problemas relacionados com a atividade turística. Com o sector do turismo a enfrentar momentos desafiantes desde março de 2020, a organização da competição celebra a resiliência e o trabalho árduo dos destinos que se esforçam para se tornarem destinos mais responsáveis.


Dessa seleção de boas práticas, que incluiu a região do Alto Minho, algumas são selecionadas para galardões na ITB Berlim, a maior feira de turismo da Alemanha, que irá decorrer de 5 a 7 de março de 2024. Como tem sido habitual, o Alto Minho foi novamente selecionado, desta vez, com a história “Culture for All, making tourism accessible in Alto Minho” (Cultura para Todos para um turismo acessível no Alto Minho). O Alto Minho é um destino sustentável por natureza, com uma excelente qualidade ambiental e dos serviços prestados, ao qual se associa a enorme hospitalidade da comunidade local e o seu rico património cultural material e imaterial. Ao longo dos anos tem sido reconhecido pelos turistas e por diversas organizações (da Green Destinations à EUROPARC, passando pela Rede Europeia de Turismo Cultural) como um destino sustentável e resiliente, que merece ser conhecido, reconhecido e visitado.


"A boa prática apresentada evidenciou o compromisso da CIM Alto Minho na promoção da inclusão e acessibilidade cultural e turística na região. Esta boa prática, integrada no projeto "Cultura para Todos", surgiu com o intuito de promover a acessibilidade e a inclusão em espaços culturais/patrimoniais, também com perfil turístico", explica a CIM em nota enviada às redações. O trabalho desenvolvido pela CIM Alto Minho consistiu na realização de diagnósticos das condições de acessibilidade física e comunicacional a um conjunto diversificado de equipamentos e festivais/eventos culturais nos dez municípios da região.


A informação sobre cada um dos espaços está disponível na plataforma TUR4All, especializada em turismo acessível e traduzida em cinco idiomas, contribuindo, assim, para a consolidação do Alto Minho como um destino de excelência, acessível e inclusivo.


As histórias submetidas, incluindo a do Alto Minho, história “Culture for All, making tourism accessible in Alto Minho” (Cultura para Todos para um turismo acessível no Alto Minho), podem ser votadas com o galardão “The People’s Choice Award” até ao próximo dia 29 de janeiro, em https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeuqBAxnnEj82bpE6Qy38k9cTS0s9ye6krHk2Phuv21gMhuTQ/viewform, ganhando o galardão a boa prática que obtiver mais votos.




Comentarios


bottom of page