top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Campanha "Ao volante, o telemóvel pode esperar" registou quase mil infrações por uso de telemóvel



A campanha de segurança rodoviária levada a cabo pelas Forças de Segurança, no período de 3 a 10 de outubro, fiscalizou um total de 57.840 veículos, tendo sido registado um total de 14.945 infrações, das quais 976 relativas ao uso indevido do telemóvel durante a condução.

Em comunicado, a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Polícia de Segurança Pública (PSP), informam que foram sensibilizados 757 condutores e passageiros, a quem foram transmitidas as seguintes mensagens:

  • A utilização do telemóvel durante a condução aumenta em quatro vezes a probabilidade de ter um acidente e provoca um aumento no tempo de reação a situações imprevistas superior ao efeito de uma taxa de álcool no sangue de 0,8 g/l

  • A distração ocorre quando duas tarefas mentais, conduzir e utilizar o telemóvel, são executadas ao mesmo tempo, o que provoca lapsos de atenção e erros de avaliação;

  • O uso de aparelhos eletrónicos durante a condução causa dificuldade na interpretação da sinalização e desrespeito das regras de cedência de passagem, designadamente em relação aos peões.

Assim, a campanha "Ao volante, o telemóvel pode esperar" teve como objetivo alertar os condutores para as graves consequências do manuseamento do telemóvel durante a condução.


As Forças de Segurança registaram ainda no período da campanha, um total de 2.769 acidentes, de que resultaram 15 vítimas mortais, 51 feridos graves e 878 feridos leves.


Os 14 acidentes com vítimas mortais ocorreram nos distritos de Braga, Bragança, Viana do Castelo, Porto, Aveiro, Santarém, Lisboa, Setúbal e Faro. Destes acidentes, a maioria foram colisões, as quais envolveram um total de 21 veículos: 10 veículos ligeiros, 4 veículos pesados, 6 velocípedes e 1 motociclo.


Relativamente ao período homólogo do ano passado, verificaram-se menos 122 acidentes, mais 6 vítimas mortais, menos 1 ferido grave e menos 65 feridos leves.



0 comentário

Comments


bottom of page