top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Campus da UMinho tem horta pedagógica com mais de uma centena de espécies

A Universidade do Minho tem há dois anos uma horta pedagógica em pleno campus de Gualtar, em Braga. Possui mais de uma centena de espécies em 30 metros quadrados e um talhão recente para espécies não anuais.




Borboleta-vírgula numa couve

Chama-se Horta-STOL, acrónimo de Science Through Our Lives, uma plataforma da Escola de Ciências da UMinho. É liderada pela docente e bióloga Alexandra Nobre, também ligada à iniciativa “PubhD UMinho”, que leva a ciência aos bares desde 2016. A mentora cultiva o terreno com os alunos, valorizando a gestão racional de água e espaço, a compostagem e a biodiversidade.

mulher e dois jovens no meio de uma horta
A mentora do projeto, Alexandra Nobre, com dois alunos

Esta horta serve de apoio às aulas de Biologia, mas também para divulgar ciência em visitas de escolas, campos de férias, oficinas na biblioteca e no 1.º ciclo e seminários de cultura visual. Foi ainda criado um jogo da memória e um pequeno livro sobre as plantas da horta e prepara-se recursos educativos online gratuitos. A polinização, as sementes, a rega, o pH do solo e o coberto vegetal são alguns aspetos abordados.


pessoas a trabalhar numa horta com flores

O projeto surgiu das aulas de Fisiologia Microbiana, quando se desafiava estudantes com quintais a trazerem uma faveira para se analisar as raízes. As faveiras foram assim as primeiras semeadas nesta horta. Depois vieram morangueiros, plantas aromáticas a medicinais (lúcia-lima, erva cidreira, hibisco, erva príncipe, camomila), maracujás, framboesas, fisális, tomates, pimentos, ervilhas tortas, alfaces, girassóis, azevinhos, lufas e muito mais. De acordo com a UMinho, "Já se fez quiche com ervas aromáticas e espinafres da horta, entre outras iguarias. E quer criar-se um minibanco de sementes. A natureza merece."

flor com 5 pétalas de cor azul e galhos verdes
Dama-do-bosque



0 comentário

Comments


bottom of page