top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Cerca de mil bailarinos do Norte de Portugal e da Galiza prestam tributo à dança no XIX DANCERVEIRA

É o regresso aos números orgulhosos da pré-pandemia. Cerca de 1000 bailarinos participam, entre esta quinta-feira e domingo, na XIX edição do DANCERVEIRA, festival internacional de dança do Norte de Portugal e da Galiza.




mulher de vestido cor de rosa dançando num barracão amplo

Este ano, avança a organização, "a novidade passa pela parceria internacional da ADEIXA com o Circuito Norte em Dança, do Brasil, concretizada na presença especial de oito bailarinos oriundos do estado brasileiro do Pará, localizado no coração da Amazónia."


Organizado pela ADEIXA – Associação de Dança do Eixo Atlântico, com o apoio da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, o DANCERVEIRA decorre ao longo de quatro dias, de 29 de junho a 2 de julho, com espetáculos gratuitos ao ar livre, workshops, aulas livres, formação internacional e as atividades ‘Dançando na Água’ e ‘Dançando na Espuma’, além Festas com DJ's.

cartaz do evento com bailarina a dançar na água

Por estes dias, Vila Nova de Cerveira é a capital da arte da dança, atraindo milhares de jovens com o intuito de partilhar conhecimentos e performances, além de trocar ideias e projetos na área, bem como aprofundar técnicas com professores especializados. O DANCERVEIRA assume ainda a caraterística de marcar o arranque da programação cultural de verão de Vila Nova de Cerveira, sentindo-se nas ruas o ambiente dinâmico.


O DANCERVEIRA é o único festival de dança não competitivo em Portugal e Norte de Espanha, cultivando a aprendizagem, o intercâmbio e muita diversão.




0 comentário

Comentários


bottom of page