top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Cerveira com "boa performance financeira em 2022" apresenta resultado líquido de 1,2 M€

Relatório de Prestação de Contas de 2022 foi aprovado por unanimidade, em reunião ordinária, esta quinta-feira. Autarquia indica "boa performance", com destaque para a execução das Grandes Opções do Plano que alcançou os 69,7%, a mais alta dos últimos quatro anos, e para a obtenção de um resultado líquido positivo de 1,2 Milhões de euros.





fachada da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira com bandeiras hasteadas e estátua de um cervo em frente

"A Gestão da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira referente ao ano de 2022 manteve a aposta na sua capacitação, primando pelo realismo, responsabilidade, rigor, credibilidade e compromisso em prol do desenvolvimento de Cerveira e da melhoria da qualidade de vida dos Cerveirenses", afirma o município, que apresenta um resultado líquido positivo de 1,2 Milhões de euros (em 2021 resultado negativo de -436.505€).


Sendo o primeiro ano do mandato autárquico 2021-2025, marcado pela apresentação do primeiro Plano e Orçamento, o Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Rui Teixeira, realça que “ficou bem patente a coragem para mudar o que estava mal e para implementar as medidas que se exigiam para o desenvolvimento do concelho. Foi realizado um conjunto de diagnósticos sobre os vários setores de atividade, com o intuito de ter uma radiografia atualizada do ponto de situação do Município. Assim, o Plano e Orçamento foram, tal como tinha sido assumido, executados com total transparência e com a prestação permanente de contas”. Rui Teixeira garante que “foram cumpridos grande parte dos objetivos fixados para a atividade municipal plasmada nas Grandes Opções do Plano e Orçamento 2022, o que se traduziu num relevante contributo para o crescimento e desenvolvimento do Município Cerveirense. Para o efeito contribuiu a concretização de um vasto conjunto de projetos, concursos e obras, bem como de realizações ao nível de eventos, tendo como corolário, sem negligenciar os acontecimentos difíceis que se continuam a viver a nível global, um balanço muito positivo da atividade da Câmara Municipal no decurso do ano de 2022”.

Mesmo perante uma proposta “bastante ambiciosa”, a execução das Grandes Opções do Plano alcançou os 69,7% em 2022, a mais alta dos últimos quatro anos, refletindo uma boa performance de concretização de 7.8ME em termos absolutos. Outro indicador que sustenta o equilíbrio e uma exemplar gestão financeira é o resultado líquido obtido no exercício de 2022 na ordem de 1.2 ME, o que representa um acréscimo de 372,4% face ao ano anterior. "Já no que respeita à receita, de referir que se obteve um acréscimo de 28,3% devido a um reforço extraordinário das transferências do Estado, a qual, em termos quantitativos, representa um aumento de 4.3 ME."

Desta forma, o balanço da gestão municipal do ano de 2022 está sustentado em investimentos realizados a um ritmo acelerado, com diversos projetos, concursos e obras iniciadas e concluídas por todo o território concelhio, em várias áreas, aproveitando todas as oportunidades provenientes dos Fundos Comunitários.


Entre a vasta lista, o município destaca o arranque das obras do “Palco das Artes”, com um investimento na ordem dos 2.7ME, cofinanciado em cerca de 1.8ME através do FEDER; o arranque das obras no “Polo Empresarial de Sapardos” – Polo 5, com um investimento de 1.1ME, cofinanciado em 667 mil euros pelo FEDER; a aceleração das obras na “Escola Secundária de Vila Nova de Cerveira”, com um investimento de 2ME, cofinanciado em 1.7ME pelo FEDER; a preparação do procedimento para as obras de ampliação da “Creche do Centro de Apoio às Empresas”, em Campos, com um investimento de cerca de 170 mil euros, cofinanciado em 145 mil euros pelo PRR; a aprovação da candidatura para o “Albergue de Peregrinos” (primeiro de gestão municipal), em Loivo, com um investimento de 400 mil euros, cofinanciado em 75% por um fundo do Turismo de Portugal; as obras de saneamento básico nas freguesias de Reboreda e Nogueira e de Campos e Vila Meã, no valor de cerca de 700 mil euros; o Plano de Obras para o Centro de Saúde aprovado, no âmbito de candidatura conjunta entre a ULSAM, EPE e a CIM Alto Minho para os “Cuidados de Saúde Primários”; entre outros.

No campo cultural e desportivo, realça os vários eventos que animaram e deram vida a Vila Nova de Cerveira, realizados diretamente pela Câmara Municipal ou em parceria com outras entidades. "Não obstante, considerando a Educação como uma área prioritária, o executivo municipal tem acompanhado de perto o desenvolvimento do Agrupamento de Escolas de Vila Nova de Cerveira, para além dos apoios concedidos aos alunos, entre eles a oferta de cadernos de atividades até ao 9.º ano de escolaridade e o apoio suplementar na compra de material escolar."

As políticas sociais do combate à pobreza e às discriminações, a igualdade de género e a inclusão social continuaram a ser uma das maiores preocupações do Município. Nesta vertente, realça a importância das questões relacionadas com a imigração, devido ao número crescente de imigrantes registados no concelho, e que resultou na assinatura do protocolo de colaboração entre o Município, o Centro de Cultura de Campos e o Centro Qualifica para alargar a oferta de aulas de português.

Após aprovação em reunião de Câmara Municipal, o documento vai ser colocado à apreciação e votação na próxima sessão ordinária da Assembleia Municipal, agendada para 24 de abril, e posteriormente estará disponível na íntegra para consulta no Portal Municipal.





0 comentário

Comments


bottom of page