top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Escritor Gonçalo M. Tavares em Ponte de Lima para curso de "Escrita e Imaginação"

O Município de Ponte de Lima vai dinamizar um curso de “Escrita e Imaginação” com Gonçalo M. Tavares, conhecido poeta e romancista português, na Biblioteca Municipal, no dia 6 de maio, das 10h00 às 13h00.




ilustração de mão a segurar um lápis e foto de homem de óculos com barba e cabelo grisalho

Estruturado em redor da linguagem e da imaginação "este curso é direcionado para o público jovem e adulto que tenha interesse na escrita e na aplicação de conceitos em redor da linguagem e da imaginação, do erro e da criatividade, do pensamento crítico e da identidade, entre outros", explica o município em comunicado.


Como pensar a linguagem e a literatura e como se poderá imaginar narrativas a partir de algumas ideias da literatura e da filosofia será um dos motes para a prossecução desta iniciativa, de participação gratuita, mas de inscrição obrigatória.


Esta é uma forma de Ponte de Lima assinalar o Dia Mundial da Língua Portuguesa, que se comemora a 5 de maio, e que foi celebrado, pela primeira vez, em 2020, após consagração pela UNESCO em novembro de 2019.


A comemoração deste dia procura constituir-se como um meio de celebração da Língua e da sua dimensão crescentemente global, refletindo e dando voz à multiplicidade de vozes que a compõe e que constitui um dos seus traços fundamentais.


Afirmar a Língua Portuguesa enquanto língua global de ciência, cultura, economia, diplomacia e paz é também objetivo da comemoração deste Dia que, como tal, procura envolver diferentes intervenientes e protagonistas destas múltiplas dimensões da Língua Portuguesa.


Assim, numa ação concertada entre o Teatro Diogo Bernardes e a Biblioteca Municipal de Ponte de Lima serão dinamizadas atividades com o mesmo autor, Gonçalo M. Tavares.


No dia 5 de maio apresenta-se no Teatro Diogo Bernardes, pelas 21h30, uma coprodução com a estrutura artística Momento – Artistas Independentes, com uma Estreia Nacional da peça “O Fim”, baseada no texto “A Velhice”, de Gonçalo M. Tavares.


No dia 6 de maio, dinamiza-se o curso “Escrita e Imaginação” com Gonçalo M. Tavares, na Biblioteca Municipal, com a duração total de 4h00 e com início às 10h00.


Sobre Gonçalo M. Tavares

Desde 2001 publicou livros em diferentes géneros literários e está a ser traduzido em mais de 50 países. Recebeu vários prémios em Portugal e no estrangeiro. “Uma Viagem à Índia” recebeu, entre outros, o Grande Prémio de Romance e Novela APE 2011. Com “Aprender a rezar na Era da Técnica”, recebeu o Prix du Meuilleur Livre Étranger 2010 (França), prémio atribuído, anteriormente, a Robert Musil, Orhan Pamuk, John Updike, Philip Roth, Gabriel García Márquez, Salman Rushdie, Elias Canetti, entre outros.

O romance “Jerusalém” foi incluído na edição europeia de “1001 livros para ler antes de morrer – um guia cronológico dos mais importantes romances de todos os tempos”. É ainda detentor de muitos prémios internacionais e foi várias vezes finalista do Prix Médicis e Prix Femina.

Os seus livros deram origem a peças de teatro, peças radiofónicas, curtas-metragens e objetos de artes plásticas, vídeos de arte, ópera, performances, projetos de arquitetura, teses académicas, etc.

Considerado o melhor da sua geração, Gonçalo M. Tavares nasceu em Luanda, em 1970. Formou-se em Educação Física e Desporto. É professor de Epistemologia na Faculdade de Motricidade Humana, em Lisboa.





0 comentário

Comments


bottom of page