top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Escritor Jorge Carrión vem à Universidade do Minho para as XIII Jornadas de Estudos Espanhóis e Hispano-Americanos

O conhecido escritor espanhol Jorge Carrión é o convidado principal das XIII Jornadas de Estudos Espanhóis e Hispano-Americanos da Universidade do Minho, que decorrem a 10 e 11 de abril, em Braga. Jorge Carrión é autor dos livros "Contra a Amazon" e "Livrarias" e da série “Booklovers”.





Escola de Letras, Artes e Ciências Humanas da UMinho

O autor profere a conferência inicial na quarta-feira, após as 14h30, no auditório da Escola de Letras, Artes e Ciências Humanas (ELACH), no campus de Gualtar. Carrión vai abordar a cultura em espanhol no século XXI, cruzando fenómenos tão diversos como a cantora Rosalía, o produtor Bizarrap, a série televisiva “La Mesías” e a inteligência artificial.

 

Às 18h30, na Livraria 100ª Página, vai também falar dos seus livros "Contra a Amazon" e "Livrarias", com o apresentador António Ferreira. Nessas obras, após ter visitado inúmeras livrarias pelo mundo, Carrión vê a leitura como atitude e sinal da civilização, a livraria como pilar e o “código-centrismo” digital como ameaça. 

 

homem careca, de barba curta e camisa escura

Jorge Carrión é professor e diretor do mestrado em Criação Literária da Universidade Pompeu Fabra (Barcelona), crítico cultural e colaborador no The New York Times e El País, entre outros. Nos seus trabalhos emergem igualmente o ensaio “Teleshakespeare”, o romance “Membrana”, a série documental “Booklovers” ou os podcasts “Ecos” e “Solaris” (Prémio Ondas).

 




Estas XIII Jornadas destacam ainda no primeiro dia, às 16h30, uma mesa redonda com professores de Espanhol em Portugal para analisar o estudo e impacto daquele idioma em vários contextos. No segundo dia, às 9h30, há o seminário “Pioneiros da inteligência artificial nas línguas”, pela diretora do Centro e-Learning da TecMinho, Ana Dias, seguindo-se a apresentação de trabalhos de inovação dos alunos de Estudos Espanhóis e Hispano-Americanos da UMinho. 

 

O evento tem o apoio do Instituto Cervantes, do Centro de Estudos Humanísticos e da Associação Portuguesa de Professores de Espanhol Língua Estrangeira, sendo certificado como ação de curta duração para os docentes interessados. Mais detalhes em cehum.elach.uminho.pt.




 

 

0 comentário

Comentários


bottom of page