top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Malas ecossustentáveis "MonnaLusa", criadas por alunos do IPVC, em exposição em Florença



Até dia 10 de outubro, no espaço Il Conventino, na cidade de Florença, em Itália, é possível apreciar os protótipos MonnaLusa. Estas malas ecossustentáveis, em cortiça e madeira, foram desenvolvidas por finalistas de 2020/21 de Design do Produto da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (ESTG-IPVC).

Il Conventino é palco de exposições e eventos considerados culturalmente relevantes na área florentina. O espaço é, habitualmente, escolhido para exibir projetos de arquitetura e design de estudantes da Universidade de Florença. Acolhe, até segunda-feira, 10 de outubro, a exposição com malas ecossustentáveis de alunos do IPVC.


Em comunicado, o IPVC refere-se tratar-se de "malas ecossustentáveis em cortiça e aparas de madeira, algumas inspiradas em vestuário renascentista, que, agora, ocupam um espaço central nesta cidade Toscana."


Esta exposição conta com o Alto Patrocínio da Câmara Municipal de Florença.


De relembrar que o projeto MonnaLusa foi desenvolvido, em plena pandemia Covid-19, pela turma finalista de Design do Produto do ano 2020/21, em parceria com a empresa Toscana Global Beauty, do empresário Michele Lupi, a Corticeira Amorim e indústrias e unidades fabris do setor da madeira do Norte de Portugal.

O MonnaLusa foi acompanhado pelos docentes dos cursos de Design do Instituto Politécnico de Viana do Castelo Ermanno Aparo e Liliana Soares, tendo também estado envolvidos os docentes Patrícia Vieira, Antonieta Morais e Jorge Teixeira.

O projeto conta ainda com o apoio institucional do Centro de Investigação em Arquitetura, Urbanismo e Design (CIAUD) da Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, do qual o Instituto Politécnico e Viana do Castelo é membro.



0 comentário

Comments


bottom of page