top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Ministro da Administração Interna inaugurou Centro Municipal de Proteção Civil de Viana do Castelo

O Ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, marcou presença, este sábado, em Viana do Castelo, na inauguração do novo Centro Municipal de Proteção Civil, investimento municipal de mais de 1,261 milhões de euros, entre obra, mobília e equipamento, que visa dar melhor resposta aos desafios da atualidade no âmbito da Proteção Civil.




bombeiros em formatura, e dois homens a passar no meio

O governante afirmou que “a capacitação dos sistemas locais da Proteção Civil é uma prioridade”, considerando que “a escala da proteção civil local é a escala mais relevante porque 90% das ocorrências que exigem intervenção das forças de proteção civil têm dimensão local e resolução apenas a nível local”.

homem de fato azul a discursar de pé no palanque para uma sala cheia de pessoas
José Luís Carneiro - Ministro da Administração Interna

Por isso, considerou que o novo Centro Municipal “é um equipamento que reforça em muito as capacidades de controlo e comando do patamar mais importante da Proteção Civil nacional, que é a Proteção Civil Municipal”.

edifício quadrado em tijolo de burro perto de uma capela
Fachada do Centro Municipal de Proteção Civil

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, Luís Nobre, este é “mais um passo da autarquia para disponibilizar todas as condições para a Proteção Civil, cuja política tem sido alvo de forte investimento não só em infraestruturas, como em formação de recursos humanos, equipamentos, num valor de investimento que ultrapassou os 3,3 milhões de euros no ano de 2022”.

homem de fato cinza e gravata vermelha discursando de pé no palanque
Luís Nobre - Presidente CM Viana do Castelo

O autarca afirmou que o executivo continuará a dar prioridade à ação na área da proteção civil, que continuará a assentar na salvaguarda de pessoas, bens e animais de companhia. Este Centro Municipal de Operações de Socorro, órgão de coordenação de toda a atividade operacional de socorro e emergência, estrutura permanente e integrada que apoiará, em exclusivo, a Comissão de Proteção Civil Municipal, é mais um desses exemplos. “No rés do chão, temos um espaço mais público e o memorial que representa a história da companhia, sendo o 1.º piso mais operacional”, frisou Luís Nobre.


Na cerimónia, Ricardo Pinho Fernandes tomou posse como comandante dos Bombeiros Sapadores de Viana do Castelo. Já António Cruz, até agora comandante da corporação, tomou posse como Coordenador Municipal de Proteção Civil.

Assim, o novo Centro Municipal foi instalado na parte sul do terreno do quartel dos Bombeiros Sapadores, na contiguidade do parque de viaturas. Foram aí instaladas diversas componentes, como o Planeamento Municipal de Emergência (englobando a prevenção e avaliação de riscos e vulnerabilidades; o planeamento e apoio às operações de socorro e a logística); Plataformas de concertação (destinadas a reuniões da comissão municipal de proteção civil, da comissão municipal de defesa da floresta; com as juntas de freguesia e com grupos de trabalho de segurança de eventos desportivos e culturais); Ações de Sensibilização e Formação; Áreas Técnicas; e Centro Municipal de Operações de Socorro – CCOM.

sala com computadores e ecrã gigante na parede

O equipamento desenvolve-se em dois pisos, tendo sido, no piso térreo, implantados os espaços de maior contacto com a população, nomeadamente a Secretaria, Comissão Municipal de Proteção Civil, Sala Polivalente de apoio à emergência, Logística, Chefe de Serviço, Serviços técnicos dedicados ao planeamento, prevenção e avaliação de riscos e vulnerabilidade.


No piso superior estão instaladas zonas eminentemente técnicas, como a Central Municipal de Operações de Socorro, Sala de Situação, Gabinete de Comando, Gabinete de Proteção Civil, Camaratas de comando e vestiários.

homem mexendo em mangueiras dos bombeiros numa sala

O Ministro da Administração Interna presidiu ainda às comemorações dos 142 anos dos Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo.

homem colocando fita numa bandeira dos bombeiros, numa sala cheia de pessoas

Na cerimónia, o autarca Luís Nobre recebeu uma homenagem devido ao contributo da Câmara Municipal para a ação da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo (AHBVVC). “Os bombeiros são a linha da frente na ação de socorro. Prometemos que nunca estarão sozinhos nessa linha da frente”, afirmou o Presidente da Câmara.



0 comentário

Comments


bottom of page