top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Missa e bênção das pastas reuniu e emocionou centenas de finalistas do IPVC

A missa de finalistas dos estudantes do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) aconteceu no passado domingo e mobilizou centenas de estudantes e familiares, que não esconderam o turbilhão de emoções pela conclusão de mais uma etapa.





centenas de estudantes com traje académico e cores reunidos ao ar livre

Vestidos a preceito, com a capa ao ombro repleta de histórias, e trajados com um sorriso que denunciava uma alegria incontável. A cartola desvendava o curso concluído, a bengala dava-lhes imponência e as fitas na pasta completavam a tríade. Foi assim que centenas de estudantes se apresentaram, este domingo, na tradicional missa de finalistas, no Campo da Nossa Senhora da Agonia. Centenas de estudantes, que escolheram o Instituto Politécnico de Viana do Castelo como parte integrante do seu percurso académico, quiseram assistir à missa de finalistas, numa cerimónia carregada de emoção e simbolismo.

Trata-se de um momento especial para todos os estudantes, partilhado com familiares e amigos. Além de assinalar a conclusão de um curso superior, a missa de finalistas é também um marco de início de um novo ciclo.

A cerimónia foi acompanhada pela Vice-Presidente do Politécnico de Viana do Castelo, Ana Paula Vale, que descreveu a missa de finalistas como um momento especial, de celebração e gratidão, vivido pelos estudantes finalistas, mas, e de uma forma muito particular, pelos familiares: “Vocês são os pilares de apoio e suporte que permitiram que estes jovens finalistas chegassem até aqui. As noites em claro, o esforço financeiro, as preocupações constantes. Mas cada uma dessas adversidades foi, certamente, superada com amor e determinação. Os pais e as famílias foram os primeiros educadores destes jovens, transmitindo-lhes valores, ensinando-lhes a importância da formação e incentivando-os a alcançar os seus sonhos. Acreditem, o trabalho árduo e o investimento que fizeram não foi em vão. Agora, vemos os resultados desses esforços. Por isso, quero agradecer a confiança que depositaram no IPVC. Ao acolhermos estes jovens, assumimos também perante vocês, pais e demais familiares, a responsabilidade para ministrar uma formação de qualidade e para preparar os vossos filhos para os desafios futuros”.

padre lançando água benta sobre os estudantes
O Padre Christopher Sousa batizando os finalistas do IPVC

Os pais e os restantes familiares foram fundamentais, mas os estudantes assumem papel de relevância maior numa cerimónia que permitiu projetar o futuro, sem esquecer todos os momentos bons, mas também os menos bons num percurso de aprendizagens, conquistas e memórias. Ana Paula Vale dirigiu-se, depois, aos estudantes como “os verdadeiros protagonistas” daquela jornada. “Cada um de vocês enfrentou desafios únicos, trilhando caminhos académicos e pessoais muitas vezes sinuosos. Foram horas de estudo, trabalho em equipa, momentos de desânimo e momentos de triunfo. Vocês tornaram-se mais do que meros estudantes do IPVC, tornaram-se parte de uma comunidade unida e de uma família académica. Juntos, compartilharam risos, lágrimas, experiências inesquecíveis e amizades duradouras. A camaradagem, a solidariedade e o apoio mútuo são marcas indeléveis desta jornada que, certamente, nunca irão esquecer”, frisou a Vice-Presidente do Politécnico de Viana do Castelo.

mulher numa tenda discursando para centenas de alunos

Apostado em promover uma formação integrante, versada na criação e na gestão do conhecimento e da cultura, na investigação, na ciência, na tecnologia e na arte, o Politécnico de Viana do Castelo foca a sua ação na transmissão das ferramentas necessárias para que os estudantes enfrentem os desafios futuros com coragem e determinação, ciente de que estes adquiriram as competências, a resiliência e a determinação para superá-los. “Sejam ousados nos vossos sonhos, persistentes nos vossos esforços e adaptáveis às mudanças que surgirem no vosso percurso. Que as conquistas e os momentos memoráveis que aqui viveram tragam um sorriso ao rosto de cada um de vocês e vos inspirem numa jornada repleta de felicidade, sucesso e realizações. Celebramos não apenas o fim de uma fase, mas o início de uma nova jornada. Espero que sintam o IPVC como o vosso ponto de partida, uma partida para um futuro que vos desejo que seja brilhante, porque o vosso sucesso é também o nosso sucesso”, rematou a Vice-Presidente do IPVC.

A missa de finalistas é um dos momentos mais marcantes da Semana Académica, cartaz de onde sobressai, quarta-feira, o cortejo académico, com início às 14 horas, junto à Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG-IPVC), e término na Escola Superior de Educação (ESE-IPVC).




0 comentário

Comments


bottom of page