top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Monção assinalou Dia Internacional das Pessoas com Deficiência através de uma "corrente de afetos"



Município de Monção, APPACDM e estabelecimentos escolares do concelho, reforçaram a mensagem de que somos “Todos iguais na diferença”.

Com a finalidade de sensibilizar, motivar e alertar a população mundial para a deficiência, procurando ampliar a consciência global para esta temática, comemora-se, todos os anos, no dia 3 de dezembro, o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência.

À semelhança de anos anteriores, Monção celebrou a data esta segunda-feira, 5 de dezembro, durante a manhã, promovendo uma iniciativa conjunta que envolveu o Município de Monção, o Agrupamento de Escolas de Monção, o Colégio do Minho, a EPRAMI, e a APPACDM - delegação de Monção.

"No Revelim dos Néris, centro histórico de Monção, foi instalada uma “corrente de afetos”, constituída por diversos seixos pintados pelos alunos das escolas. No local, o seixo ia passando de mão em mão até chegar ao destino final, resultando numa corrente carinhosa, sorridente, colorida e solidária.", refere o município monçanense em comunicado.

Os utentes da APPACDM [Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental] e os alunos dos estabelecimentos escolares locais, num total superior a um milhar, "viveram uma manhã diferente e inclusiva, tendo contribuído, simbolicamente, para a criação de um mundo mais equitativo e integrador, reforçando a mensagem que somos “todos iguais na diferença”.", frisam.

O Dia Internacional das Pessoas com Deficiência “nasceu” em 1992, através da resolução A/RES/47/3, aprovada em Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU). Em 1998, o mesmo organismo deu um passo importante, avançando com a convenção sobre os direitos das pessoas com deficiência.



0 comentário

Comments


bottom of page