top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Politécnico de Viana do Castelo reforça internacionalização em países da lusofonia

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) tem vindo a estabelecer uma série de acordos de cooperação e parcerias estratégicas, dando cumprimento à política de internacionalização da Instituição. Em Moçambique, a Vice-Presidente do IPVC, Ana Paula Vale, assinou uma série de acordos com instituições membros da Rede Internacional Académica da Lusofonia (RIAL), centrados na captação de estudantes de Países de Língua Oficial Portuguesa e no intercâmbio de alunos, docentes e investigadores.




pessoas sentadas em cadeiras amarelas e verdes num anfiteatro com bandeiras nas paredes

A RIAL é uma Rede que engloba uma vintena de instituições de ensino superior e centros de investigação de cinco países – Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique e Portugal.

Estes acordos de cooperação assentam na premissa de captação de estudantes de Países de Língua Oficial Portuguesa, mas também permitir e promover o intercâmbio de alunos, docentes e a cooperação ao nível da investigação.

Em Moçambique, o Politécnico de Viana do Castelo assinou sete acordos de cooperação com as seguintes instituições:

  • o Instituto Superior de Gestão e Empreendedorismo Gwaza Muthini;

  • a Associação Fórum dos Académicos de Moçambique (AFAMO);

  • o Instituto Superior de Formação, Investigação e Ciência;

  • o Instituto Superior de Gestão, Comércio e Finanças;

  • o Instituto Superior Mutasa;

  • a Universidade São Tomás de Moçambique;

  • a Universidade Técnica Diogo Eugénio Guilande.

Estes acordos pretendem estabelecer uma cooperação académica, científica e cultural entre as Instituições de Ensino Superior envolvidas”, afirma a Vice-Presidente do Politécnico de Viana do Castelo, Ana Paula Vale, acrescentando que, através dos memorandos agora assinados, será possível o “intercâmbio de estudantes e docentes, a promoção de programas de caráter internacional, com vista à intensificação das relações de cooperação, nomeadamente, ao nível da mobilidade de estudantes, investigadores e docentes, mas também a promoção, execução e divulgação de estudos, projetos ou pesquisas científicas, assim como a organização de seminários, encontros e reuniões, que possam configurar mais-valias para as instituições envolvidas”.

pessoas de pé numa sala

Além dos acordos firmados, a Vice-Presidente do IPVC visitou a Escola Portuguesa de Moçambique e a Universidade Politécnica de Moçambique, reunindo também com o Diretor geral da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, o Ministro da Educação e Desenvolvimento Humano, a Diretora do Instituto de Bolsas de Estado, entidade que atribui as bolsas a alunos para estudarem foram de Moçambique, e com a Secretaria de Estado do Ensino Técnico-Profissional. Numa jornada produtiva, Ana Paula Vale reuniu, ainda, com mais de meia centena de diretores de escolas secundárias.







0 comentário

Comments


bottom of page