top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Terras de Bouro assinalou Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres

O Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres foi assinalado em Terras de Bouro no passado dia 27 de novembro, através de uma marcha lenta como forma de sensibilizar a comunidade para este dia.





crianças, jovens e adultos em frente à câmara municipal

O Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres é assinalado anualmente a 25 de novembro. Esta data foi instituída pela Resolução 52/134 da ONU. O seu propósito é "alertar para a violência física, psicológica, sexual e social que atinge as mulheres. Em Portugal e no mundo, a cada 25 de novembro, renovam-se evidências de desigualdades e discriminações de género contra as mulheres, as quais legitimam o perpetuar da violência que lhes é dirigida nas suas múltiplas formas e expressões. É também um dia em que homenageamos mulheres sobreviventes e aquelas para quem a violência de género, patriarcal e misógina lhes foi fatal", refere nota da autarquia.


Neste âmbito e como forma de assinalar e sensibilizar a comunidade para este dia, no dia 27 de novembro, realizou-se uma marcha lenta na Vila de Terras de Bouro entre a sede do Agrupamento de Escolas e os Paços do Concelho, ação que contou com a presença do Executivo Municipal, direções da CPCJ [ Comissão de Proteção de Crianças e Jovens] e do AETB [Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro] e oficiais da GNR.

A atividade foi organizada pela CPCJ de Terras de Bouro, em colaboração com a Autarquia e o AETB.





O propósito do Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres "é alertar para a violência física, psicológica, sexual e social que atinge as mulheres." Em Portugal e no mundo, a cada 25 de novembro, renovam-se evidências de desigualdades e discriminações de género contra as mulheres, as quais legitimam o perpetuar da violência que lhes é dirigida nas suas múltiplas formas e expressões. É também um dia em que homenageamos mulheres sobreviventes e aquelas para quem a violência de género, patriarcal e misógina lhes foi fatal.


A atividade foi organizada pela CPCJ de Terras de Bouro, em colaboração com a Autarquia e o AETB.

0 comentário

Kommentarer


bottom of page