top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Viana do Castelo eleita a melhor "Cidade Europeia do Desporto" em 2023

Viana do Castelo foi eleita a melhor Cidade Europeia do Desporto em 2023 pela Associação das Cidades Europeias do Desporto (ACES Europe). O anúncio foi feito esta quarta-feira por Nuno Santos, Presidente da ACES Portugal - Associação Portuguesa das Cidades Europeias do Desporto, durante a conferência “Cidade Europeia do Desporto”.




homens e mulheres posando para a fotografia

A conferência, organizada pela Global Media, aconteceu ao longo de hoje no auditório Francisco Sampaio do Centro de Congressos, situado no Forte Santiago da Barra, e contou com a presença do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Correia.

homem de blazer bege e gravata vermelha discursando no palanque
João Paulo Correia - Secretário de Estado da Juventude e do Desporto

A avaliação das 16 candidaturas europeias foi feita, de forma independente, pela Pavol Jozef Šafárik University, da Eslóváquia, tendo Viana do Castelo sido eleita a melhor Cidade Europeia do Desporto do presente ano.


“Viana do Castelo tem tido excelentes números e é um exemplo daquilo que é ser uma Cidade Europeia do Desporto”, garantiu Nuno Santos. Até ao momento, Viana do Castelo – Cidade Europeia do Desporto 2023 já promoveu cerca de 406 eventos desportivos locais, nacionais, europeus e até mundiais.


A previsão é de promoção de 450 eventos até final do ano, com a participação de 300 mil pessoas, esperando um retorno económico de 94 milhões de euros. Até à data, os eventos desportivos já contaram com 410 mil pessoas na assistência, realçou Nuno Santos, na conferência que pretendeu debater o presente e o futuro do Desporto, numa organização do Jornal de Notícias, em parceria com a Câmara Municipal de Viana do Castelo.

homem fazendo uma apresentação em palco
Nuno Santos - Presidente ACES Portugal, a apresentar os dados de Viana do Castelo - CED2023 até ao momento

Sobre os 10 anos da existência das Cidades Europeias do Desporto, o responsável assegurou que, “neste momento, este é considerado o maior evento de Portugal porque acontece de 1 de janeiro a 31 de dezembro, promovendo 365 dias de desporto e de atividade física, tendo como foco o desporto para todos”.


O Presidente da Câmara, Luís Nobre, disse que, em Viana do Castelo “a missão tem sido concretizada com excelência, o que nos permite esta eleição”. “Todos responderam à convocatória para o grande jogo que é sermos Cidade Europeia do Desporto aderindo em massa a centenas de provas, cativando milhares de atletas, dinamizando o mundo desportivo no concelho”, declarou o autarca.


O concelho vianense conta com 4500 atletas federados e mais de 10.000 não federados, distribuídos por 88 clubes e coletividades que promovem 50 modalidades.


Na sessão de encerramento, o Secretário de Estado da Juventude e do Desporto assegurou que entre 2019 e 2023 “todas as modalidades cresceram exponencialmente”, destacando o incremento do número de praticantes femininas e a importância da prática desportiva junto das crianças e jovens. João Paulo Correia garante que o galardão de ser Cidade Europeia do Desporto “aumenta substancialmente” o número de praticantes nos diferentes municípios, incentiva o surgimento de novas modalidades nos concelhos que assumem o título e até nos concelhos limítrofes. “Há um antes e um depois de Viana do Castelo – Cidade Europeia do Desporto” e o saldo é “muito positivo”, referiu o governante.


A Associação das Capitais e Cidades Europeias do Desporto (ACES Europa | European Capitals and Cities of Sport Federation), com sede em Bruxelas, não tem fins lucrativos e atribui anualmente, desde 2001, os títulos de Capital, Cidade e Comunidade Europeia do Desporto.


A alocação desses reconhecimentos é feita de acordo com os princípios que determinam que o desporto é um fator de agregação da sociedade, melhoria da qualidade de vida, bem-estar psicofísico e integração completa na comunidade envolvente.


Esta distinção retrata um reconhecimento internacional, mas também o enaltecimento do trabalho desenvolvido no âmbito das políticas desportivas daquelas cidades naquela que é a maior rede de cidades intitulados como “desportivas” na Europa.




0 comentário

Comments


bottom of page