top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

CCDR-NORTE visita Caminha para ver estragos causados pelo temporal de 1 de janeiro

O Presidente e o Vice-Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-NORTE) estiveram ontem em Caminha, a convite de Rui Lages, para visitar os locais mais afetados pelo temporal que se abateu sobre o concelho no primeiro dia do ano.






Numa nota enviada às redações, o Município de Caminha refere que o Presidente da Câmara tem manifestado a sua preocupação junto das várias entidades e do Governo pela "demora na concretização dos apoios financeiros prometidos", que permitirão começar a responder mais efetivamente aos prejuízos, que já ultrapassam os 13,5 milhões de euros, e a avançar com as intervenções necessárias.

três homens caminhando, depois de passar por um túnel, em Caminha
Rui Lages, Beraldino Pinto e António Cunha (da esquerda para a direita)

António Cunha e Beraldino Pinto, respetivamente Presidente e Vice-Presidente da CCDR-NORTE deslocaram-se a vários locais, acompanhados pelo Presidente da Câmara, tendo constatado diretamente as várias situações. Rui Lages dirigiu o convite aos dois responsáveis para vir ao concelho, "exatamente para que pudessem percecionar a realidade e o impacto das intempéries do dia 1 de janeiro, que ainda se mantém.", refere a mesma nota.

homens verificando estragos causados pelo temporal de 1 de janeiro de 2023

Rui Lages transmitiu mais uma vez a sua "preocupação com a falta de meios financeiros e de mecanismos para repor a normalidade no espaço público e bem assim com a falta de respostas até agora para com os particulares afetados, no comércio, indústria e habitação."


De acordo com o município, o balanço atualizado dos prejuízos, no total, aponta para um valor ligeiramente acima dos 13,5 milhões de euros (sem IVA), montante já transmitido oportunamente à CCDR-NORTE.








0 comentário
bottom of page