top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Concelho de Caminha registou "desempenho excecional" no Turismo em 2023

O ano de 2023 foi de sucesso para o Turismo nacional, sobretudo na Região Norte, e o concelho de Caminha acompanhou esta tendência, contribuindo com um desempenho assinalável. Entre os indicadores que já são conhecidos, destaque para o número de hóspedes nos estabelecimentos de alojamento turístico (o segundo mais elevado do Alto Minho) e para o número de dormidas em estabelecimentos de alojamento turístico (o terceiro maior entre os 10 municípios).





paisagem de uma vila à beira-mar com névoa

Em nota enviada às redações, o Município de Caminha dá os parabéns a "todos os agentes que contribuíram para este resultado, que consolida uma tendência da última década, reforçando a certeza de que a aposta no Turismo é a estratégia certa para o nosso território e pra a nossa economia."


Os números são oficiais e constam das estatísticas do INE – Instituto Nacional de Estatística. O número de hóspedes nos estabelecimentos de alojamento turístico em Caminha, em 2023, bateu todos os recordes e foi de 73.508. Entre os 10 concelhos do Alto Minho, apenas Viana do Castelo superou aquele valor, ficando Ponte de Lima na segunda posição, com 63.648.


Por seu lado, indica, "o número de dormidas em estabelecimentos de alojamento turístico no ano passado, no nosso concelho, subiu para 119 507, apenas ultrapassado, entre os 10 municípios do Alto Minho, por Ponte de Lima e Viana do Castelo, municípios de dimensão bastante superior."


"Acresce que o concelho possui numerosos edifícios de segunda habitação (47,4% habitação sazonal, de acordo com, o Censos 2001), o que permite o acolhimento de muitas mais pessoas, familiares e/ou amigos dos proprietários, que engrossam substancialmente a dinâmica turística, sem contribuírem para as estatísticas", nota.


Para o Presidente da Câmara, Rui Lages, estes são resultados muitíssimo animadores, que “reforçam a nossa convicção e sustentam a nossa estratégia. Por isso apostamos na oferta cultural, nos equipamentos, no Ambiente, na nossa serra e nas nossas praias, no nosso comércio e na nossa indústria e nas nossas instituições culturais e desportivas, que nos ajudam a preservar o nosso ADN e a manter vivas e dinâmicas as nossas tradições”.

“Este resultado é uma conquista de todos nós. Mostram que a atratividade do concelho de Caminha é cada vez maior e que estamos no caminho certo. Quero deixar uma palavra de agradecimento a todos os agentes, nos variados setores, que trabalham para que o concelho possa progredir e para que a nossa economia seja fortalecida. E estou muito otimista para 2024: o desafio é cada vez maior, mas estamos à altura e sei que conto com todos”, sublinha Rui Lages, citado na nota.  

    

Otimista está também o líder do Turismo Porto e Norte, Luís Pedro Martins, que há dias, em Matosinhos, na apresentação da nova marca, se afirmou convicto de que 2024 será um bom ano ao nível de Turismo, referindo como grandes desígnios “consolidar e reforçar a notoriedade do Porto e Norte de Portugal pela sua diversidade e sofisticação, desenvolvendo estratégias e projetos que visem o desenvolvimento sustentável do setor, a digitalização e o reforço da do seu posicionamento, juntos dos mercados estratégicos pretendidos”.




0 comentário

Comments


bottom of page