top of page

Peneda Gerês TV

Multimédia e Comunicação

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram

Pub

Produtos do Alto Minho integraram "O Melhor de Portugal", em Bruxelas

No passado fim de semana, 17 e 18 de junho, teve lugar em Bruxelas, na Bélgica, a nona edição de O MELHOR DE PORTUGAL, uma festa e feira onde os produtos agrícolas nacionais marcam presença.




homens e mulher junto a uma barraquinha de vinhos numa feira ao ar livre

O Alto Minho esteve presente no megacertame, mas foi Arcos de Valdevez e Ponte de Lima, com os seus vinhos e charcutaria que tiveram stand próprio. O vizinho concelho de Ponte da Barca participou, mas com promoção turística e alguns enchidos característicos da cozinha rural.


A par das dezenas de tendas com o que de melhor se produz em Portugal, o Clube de Gastronomia de Ponte de Lima selecionou também uma série de acepipes e vinhos para degustação.


Assim, estiveram em prova com membros da Confraria dos Vinhos de Portugal na Bélgica, Academia do Bacalhau da capital da Europa e a ordem da Cerveja também da Bélgica, dois tipos de iguarias. Nos vinhos, destaque para o Vianna, do Solar de Louredo, Geraz do Lima; o alvarinho da Quinta das Pereirinhas, de Monção; o Aromas 4 You, de Arcozelo, Ponte de Lima, e o Maxus, de Brandara, também de Ponte de Lima. Quanto aos enchidos, os já famosos do MinhoFumeiro, da freguesia da Correlhã, com as alheiras de galo, chouriça de carne e cebola; os de Carlos Pimenta, freguesia da Ribeira, com salpicão e chouriça de cebola.

homens e mulheres em frente a um stand de vinhos portugueses
Estónia, Arcos de Valdevez, Ponte de Lima e Brasil na prova de vinhos, em Bruxelas. Foto: ©MagazineCriativa.be

Entre participações de funcionários portugueses europeus, enumere-se Vítor Gomes, de Padreiro, Arcos de Valdevez, com função de Administrador do Conselho Europeu de Investigação da Comissão Europeia que apoiou a participação do Alto Minho n' O Melhor de Portugal, e a esposa, da Estónia: Trinn Aasma, também Administradora, mas da unidade de Emprego, Refugiados e Segurança Social, no Comité Económico e Social, um órgão de consulta ao Parlamento Europeu. Outro ilustre compatriota na degustação de sabores altominhotos, foi o antigo Secretário-Geral da UGT, Carlos Silva, agora elemento efetivo no Comité Económico e Social em Bruxelas, em representação dos sindicatos e trabalhadores portugueses.


A feira e festival já vai na sua nona edição, uma organização conseguida, da CAP-Confederação dos Agricultores de Portugal, uma estrutura socioprofissional agrícola, com representação na capital belga. "O Melhor de Portugal 2023" contou com cerca de sessenta produtores/expositores de todo o país.


Na Capa: Administrador Europeu Vítor Gomes (traje Confraria dos Vinhos Portugal), o embaixador e Ministra - Conselheira na Bélgica, produtores e Clube Gastronomia Ponte de Lima. (Foto: Trinn Aasma).


0 comentário

Comments


bottom of page